Viagens de negócios, uma experiência em constante evolução, e como uma agência corporativa pode ajudar

Agências de viagens corporativas eficientes entendem que o mundo de quem embarca em uma jornada de negócios está em permanente evolução. Cada vez mais as empresas buscam uma assessoria especializada que se ocupe das necessidades do viajante de negócios e que garantem uma ótima experiência fazendo tudo com o maior cuidado, segurança e experiência possíveis.

 

E a tecnologia é o denominador comum destas agências em suas apostas para assegurar e coordenar a qualidade de sua gestão diária. Isso tem um motivo: nos últimos dez anos, a indústria de Turismo global experimentou uma profunda transformação. O avanço da internet e do acesso à informação de maneira massiva gerou uma mudança importante nas características dos turistas internacionais, especialmente nos viajantes a negócios. Isso levou as agências de viagens corporativas a repensar o modelo de turismo que imperou nos últimos 60 anos.

 

As mudanças contínuas e as diferentes formas de fazer negócio obrigaram as agências de viagens a considerarem a necessidade premente de inovar. Tanto essas empresas especializadas como os destinos se veem obrigados a reconsiderar continuamente suas estratégia, e a incorporação de novas tecnologias se converteram rapidamente em uma enorme lista de soluções no que diz respeito ao tempo, segurança e comodidade.

 

Um exemplo claro poderia ser as ferramentas de self-booking, ou auto reserva, que dá autonomia ao viajante corporativo e se tornou uma obrigação das agências de viagens na entrega a seus clientes. Em síntese, o turismo corporativo da era digital aponta para um modelo em que que o viajante de negócios é a peça mais importante de todas.

 

Assim, qualquer programa de gestão de viagens deve se adaptar ao perfil de um novo tipo de viajante de negócios, o executivo “super conectado”, que exige mais flexibilidade, comodidade e a possibilidade de combinar lazer e trabalho durante a viagem.

 

E ainda que tudo isso possa parecer coisa das grandes empresas, são as pequenas e médias corporações as que mais se beneficiam, pois qualquer economia de tempo e custos com logística sempre será melhor aproveitado pelas empresas com menos recursos.

 

Principalmente após a pandemia. Esta foi uma das crises que mais aceleraram a transformação digital, impactando a forma de se colaborar tanto no escritório quanto nos processos mais complexos de gestão de despesas. Soluções seguras que democratizem o acesso à tecnologia e convença as organizações a deixar as planilhas em papel ou excel são essenciais.

 

Por isso, uma empresa de viagens corporativas completa hoje em dia precisa ter ferramentas que oferecem fluxos de gestão de adiantamentos, prestação de contas, solicitação de reembolsos e de aprovação, além da geração de relatórios de gastos. Existem produtos no mercado que oferecem tudo isso e outras funcionalidades, como configuração de políticas, categorização de despesas e definição de centros de custo.

 

Parabéns! Você ganhou o nosso
mais novo e-Book
Preencha os campos abaixo e receba o e-book agora mesmo
Também não gostamos de SPAM e prometemos manter suas informações seguras